#PapoDesvairado: Conheça as estações de Adriana Brazil



Confira na coluna #PapoDesvairado uma entrevista descontraída com autores que estão se destacando na literatura nacional.





Na estreia do nosso bate-papo conversamos com a escritora Adriana Brazil, autora da série "Foi Assim Que Te Amei", que tem se sobressaído por seus doces romances.
Adriana nasceu no Rio de Janeiro e cresceu ouvindo histórias carregadas de fantasia que seu pai contava, tornou-se amante dos livros logo no início da adolescência. Apaixonada pelas artes formou-se em Música na Escola Villa-Lobos. Sua paixão pela escrita veio à tona em dezembro de 2009, quando nasceu seu romance, "Outono de Sonhos", indicado ao prêmio Codex de Ouro 2011 nas categorias Romance e Designer de Capa. Adriana estuda Letras e é colunista da Revista Cristã, coluna Estações, uma publicação mensal. Atualmente, a autora dedica-se a um projeto que envolve o ensino de música e leitura para crianças e participa ativamente dos eventos com o grupo Turnê Literária. Além de escrever, gosta de fotografia e pintura, atualmente está casada e tem um filho de cinco anos.

Confira abaixo a entrevista:



1 - Olá Adriana, queria começar sabendo como foram os seus primeiros contatos com a leitura. De onde surgiu sua paixão pela literatura?

Sempre gostei muito de ler, devido o resultado do ensino que tive na infância e adolescência, as escolas que eu estudei, davam forte incentivo a leitura. Mas a paixão mesmo, surgiu ainda criança, quando meu pai costumava contar histórias fantásticas, foi ali que percebi que esse universo era incrível!

2 - Seus livros são basicamente para jovens, o que você costumava ler nessa fase da vida?
Contando que ainda estou na idade jovem (risos). Vou falar o que lia na adolescência, quer eram aqueles livros da série Vagalume, e dois livros marcaram muito minha vida que foram: A Marca de Uma lágrima de Pedro Bandeira e Meu pé de Laranja Lima de José Mauro de Vasconcelos, foi o primeiro livro que me fez chorar.


3 - Quando e como resolveu escrever seu primeiro livro? Sempre quis escrever ou foi uma coisa que surgiu?
No início da adolescência escrevia romances, poemas, músicas, mas deixei isso no passado. Continuei escrevendo pensamentos e letras de música, mas o relacionamento com os livros era apenas como leitora.

4- Como o seu primeiro livro "nasceu"?

A vontade de voltar a escrever veio com força em 2009, quando recebi uma inspiração divina para escrever Foi assim que te amei. Creio que foi ali que o livro nasceu.

5 - "Outonos dos Sonhos" é o primeiro livro da série "Foi Assim que eu te amei", como surgiu o desejo de criar a série? E quais os temas que pretende tratar na série? 

Foi assim que te amei seria apenas um livro, não tinha pretensão nenhuma de escrever uma série. Mas devido aos temas que precisavam ser abordados, como o perdão, amizade, sexo, família, entre outros, foi que decidi dividir em uma série. Outros temas serão abordados, mas não posso dizer, pois seria um verdadeiro spoiler! Só posso garantir que ainda vem muitos assuntos marcantes na série.

6 - O que podemos esperar dos seus próximos livros? Existem outros planos além da série " Foi assim que eu te amei"?
Emoção e sonhos. 
Sim, a série já está terminada e depois dela escrevi mais dois romances, um infantojuvenil Além dos Sonhos e um mais adulto, devido a idade dos personagens, chamado Só quero Você. Espero que um deles seja lançado, entre o Inverno de Cinzas e o Primavera de Cores.

Eu com a autora na Bienal de São Paulo deste ano.


7 - Para terminar, queria que você citasse um autor e um livro que marcaram a sua vida. 

Sou fã incondicional de Augusto Cury, e o livro dele Nunca desista de seus Sonhos, foi um marco na minha vida, para que eu não desistisse da carreira de escritora.

Obrigada pela oportunidade, Leonardo!

Agradeço muito à Adriana por ter cedido a entrevista! Espero que ela alcance cada vez mais sucesso, caso tenha se interessado pela trabalho da autora, seguem os links da autora:



Abraços e até a próxima!


¡Compártelo!

0 comentários:

Postar um comentário

Buscar

 

Já passaram por aqui:

O que fez sucesso

A Paulicéia Desvairada Copyright © 2011 | Tema diseñado por: compartidisimo | Con la tecnología de: Blogger